sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

O “Inferno” do Dan Brown é bem pior...

Há uns seis meses eu prometi aqui que daria minha opinião sobre o novo livro do Dan Brown, Inferno. Vou dar a gora e ser breve: até hoje não consegui chegar nem à metade. Ô livro chato!

De um início promissor, alucinantemente rápido, o troço se transformou em uma lengalenga arrastadíssima, cheia de detalhes insignificantes e descrições descomunais, que me obrigavam a retornar algumas páginas toda vez que eu retomava a leitura, até o ponto que eu me dei conta que nada daquilo tinha importância na trama. E parei de ler definitivamente. Nem curiosidade para ler o final eu tive.

Foi dinheiro jogado fora.

10 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. E o parecer sobre o livro do Olavo de Carvalho, "O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota"?
    Meu parecer está aqui:
    https://dl.dropboxusercontent.com/u/94552853/Analise_do_Livro_do_Olavo.pdf.
    Eu gostaria que você comentasse pelo menos a minha análise.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu li no dia em que você me mandou e guardei como arquivo. O problema é que sem pelo menos dar uma olhada no que ele escreve, eu fico meio sem rumo. O que sei é que, na verdade, são vários artigos já publicados, sendo que muitos deles eu já devo ter lido. Em todo caso, eu já tenho na cabeça um esboço para um texto sobre os rumos que a oposição - leia-se a direita ou qualquer coisa que o valha - anda tomando, com muito cacique para pouco índio, já que todos os reinaldos, olavos, rodrigos e lobões da vida estão com o nariz muito empinado para o meu gosto.

      O texto vai sair com comentários seus e meus.

      Excluir
  3. Cada um tem o inferno que merece ahahahahahahhahahahahahah

    Nao li nenhum livro do Brown, apenas vi dois filmes, nao gostei de nenhum deles.

    ResponderExcluir
  4. Só serviram pra enfiar pseudohistória na cabeça de uma legião bobos que acreditam em qualquer coisa, até na transposição do Velho Chico. Até a Santa Madre caiu na esparela, hahaha

    ResponderExcluir
  5. Ô Ricardo.
    Manda prá mim, que eu pago a postagem, ehehehe.
    Eu também quero ver se paro de ler no caminho.
    Assim não preciso comprar o calhamaçø.

    ResponderExcluir
  6. Os livros dan brown sao bem inteligentes, e inferno ė o meu preferido, porem preconceito e crenças prė-concebidas que foram impostas a nossos antepassados e que perdura atė o dia de hoje, para ter uma compreensāo dos livros dele ė preciso ter o basico de conhecimento sobre nossa origem e origem da civilizaçao ocidental. Poren gente de mente pequena e de mente fechada ainda presa a essas crenças pre concebidas nn aceitam nada que seja novo. Isso sao os jovens "caretas" que se fecham apenas em seu mundinho.. (MINHA OPNIAO)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Igor, o que eu disse sobre o livro não tem absolutamente nada a ver com "preconceito e crenças prė-concebidas". Eu me restringi à literatura, exclusivamente.

      Quanto aos "os jovens 'caretas' que se fecham apenas em seu mundinho", me parece que você não é "careta" e está solto nesse mundão... completamente perdido.

      Excluir
  7. ... taí, boa oportunidade!; dá pra arriscar uma abordagem d'O SISTEMA!, tomando como referência este comentário a seguir:

    "De um início promissor, alucinantemente rápido, o troço se transformou em uma lengalenga arrastadíssima, cheia de detalhes insignificantes e descrições descomunais, que me obrigavam a retornar algumas páginas toda vez que eu retomava a leitura, até o ponto que eu me dei conta que nada daquilo tinha importância na trama. E parei de ler definitivamente. Nem curiosidade para ler o final eu tive."

    ... analisando "a coisa" pelos seus efeitos ...

    ResponderExcluir