sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Del Nero repassa “empreguinho” de R$ 60 mil por mês a filho de Sarney - quem tem fiofó tem medo!

Marco Polo del Nero, entregou o cargo que ocupava no Comitê Executivo da Fifa. Ele indicou para seu lugar Fernando Sarney, vice-presidente da CBF na Região Norte. A Conmebol, reunida nesta quinta-feira no Rio de Janeiro, aceitou a saída do Del Nero e a recomendação de Sarney como novo representante da Confederação Sul-Americano no comitê com um salário estimado em 200 mil francos por ano (R$ 735 mil).

Cheio de medo de acabar preso como Marin, Del Nero não sai mais do Brasil e já deixou de comparecer à eleição na Fifa, em 29 de maio, a três reuniões do Comitê Executivo da Fifa, ao sorteio das eiminatórias da Copa de 2018, deixou de acompanhar a seleção brasileira em amistosos, Copa América e eliminatórias.

Aliás, em outubro a imprensa noticiou que a Conmebol já tinha decidido tirar Del Nero do Comitê de Ética da Fifa. Na ocasião informou-se que a decisão já teria sido tomada pela cúpula da entidade, que faria o anúncio no encontro no Rio, só que o canalha, segundo nota oficial no site da CBF, diz que deixou o cargo para “dar atenção integral ao futebol brasileiro”.

Marco Polo: vai tomar no centro que é para não gastar as beiradas!

Fernando Sarney: como é que vai o caso da operação boi barrica, que o Estadão está proibido de mencionar há seis anos, censurado por uma arbitrariedade judicial em função de uma demanda sua?


2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. O Antagonista colocou como frase do dia a seguinte declaração:

    “Minha proximidade com Zelada é zero. Não vou deixar que um Delcídio qualquer suje minha biografia", Michel Temer, apavorado com a possibilidade de delação do senador petista

    Onde está escrito “Delcício qualquer”, leia-se: senador e, líder no Senado do governo do qual sou vice presidente.

    ResponderExcluir